Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DISTANTE DO CAIS

Fizeram um mundo além da minha compreensão
Arquitetado por homens sisudos e castrados
Nele meteram leis muito próximas às de Talião
E fiquei lá com meus pensamentos prostrados

Mas sobrevivi por teimosia e desejo de retaliação
Pois sei que tudo é cíclico e que na borda cresce uma resposta
Onde outros navegam eu rasgo o mar na agitação
Sentidos falhos e notas falsas numa grande aposta...

Quando ouvirem minha reza imbuída de franca desolação
Não permitam que suas crenças fiquem abaladas
Pois sou santo na minha desgraça e maldição

Claro na intenção embora difuso no ademais...
Jovem em luas... mas decomposto na essência
Ao léu num barco bem distante do cais
Caio Braga
Enviado por Caio Braga em 14/09/2017
Código do texto: T6113549
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Braga
São Paulo - São Paulo - Brasil, 39 anos
89 textos (486 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/17 08:24)
Caio Braga