Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto da ilusão

 

Beijas-me agora?
Amanhâ me escarrarás!
O sentimento que me tens neta hora,
Por certo esquecerás.

Se hoje me tens amor,
Amanhâ terás ainda?
Não! Pois esse mesmo amor,
Promete durar pra sempre, mas sempre se finda.

E muitas vezes esse amor não dura,
Mais que uma noite escura,
Mais que uma estação.

E quando chega a durar anos,
É por que esconde os desenganos,
Se baseando em pura ilusão
 
Reginaldo Correia da Silva
Enviado por Reginaldo Correia da Silva em 17/09/2007
Código do texto: T656431
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reginaldo Correia da Silva
Recife - Pernambuco - Brasil, 36 anos
4 textos (584 leituras)
1 e-livros (12 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 13:09)
Reginaldo Correia da Silva