Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poeta Ilusionista

O Poeta é apenas personagem,
A pena que ele tem é a caneta.
O verso ao sedento é miragem,
Ilude o cego numa falsa silhueta.

Ilusionista das palavras, sua meta;
É dar ao covarde uma coragem,
Fé ao descrente, ambição ao pajem,
Liberdade ao claustro, astúcia ao pateta.

Figura singular da humanidade,
Herói despido de toda vaidade,
Sua arma mata mais do que espada.

Sentado junto a Deus no firmamento,
Senhor das emoções, do sentimento,
Despedaça o coração da namorada.
marcelo ferraz
Enviado por marcelo ferraz em 20/09/2007
Código do texto: T660869

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
marcelo ferraz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
42 textos (734 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 20:05)
marcelo ferraz