Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Hábeas corpus

Pedirei um hábeas corpus desta vida,
Não quero mais saber de falsidade.
Vi um cortejo e no esquife a amizade
Que faleceu. Causa mortis; esquecida.

Deixarei este mundo sem saudade
Ciente que a missão está cumprida.
A virtude que há muito está sumida
Foi embora de carona com a verdade.

Aqui no mundo o que resta é covardia,
Os humanóides se devoram noite e dia
Acreditando garantir sobrevivência.

Tolos ignóbeis, amantes da avareza,
Morrem de sede na fonte da incerteza,
E idolatram um mundo de aparência.
marcelo ferraz
Enviado por marcelo ferraz em 21/09/2007
Código do texto: T661951

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
marcelo ferraz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
42 textos (734 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 14:02)
marcelo ferraz