Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto a Déia Leal

PARA MINHA MUSA: ANDREIA DONADON LEAL - DÉIA LEAL


Soneto à Déia

Os salmos de luz que seus olhos têm
inebriam-me sol de encantamento,
que a luz se faz mais luz nesse momento,
em que os meus miram os seus também.

E o sol se faz pequeno neste espaço
que espoca labaredas fumegantes;
nem o maior de todos os gigantes
conteria a paixão com que a laço.

Desmaia sobre mim essa quentura
que eu não vejo palavras que a explique;
mas é a luz do flash ao som do clique.

Mas me deixo tomado da ventura
de ser o escuro da energia em pique,
pra que só co’á luz dos seus olhos fique.

 

Déia

do Éden
do Olimpo


J B Donadon Leal
Enviado por J B Donadon Leal em 01/10/2007
Código do texto: T676127
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J B Donadon Leal
Mariana - Minas Gerais - Brasil, 58 anos
3 textos (98 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 09:44)
J B Donadon Leal