Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O QUE LHE É DEVIDO...

 
Chega aviso de grande tempestade
verdades rompem emoções acuadas,
escuridão que avança sem alarde
no açoite das maldades consumadas.
 
Tempo agastado em inquietude
cavalgou ávido no devido prazo,
devastou tudo que aos olhos ilude
para o negrume fútil do acaso.
 
Na saga da agonia, o legado:
amor em morte súbita cai ferido,
alma jovem sangra num verbo pesado!
 
Um corpo pequeno dorme abatido
no chão frígido, um sonho sepultado!
Torna a terra, o que lhe é devido...
 
04/10/2007

 

Anna Peralva
Enviado por Anna Peralva em 11/10/2007
Reeditado em 25/10/2009
Código do texto: T690696
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Peralva
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1582 textos (61519 leituras)
3 e-livros (572 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 17:11)
Anna Peralva