Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Soneto das Ruas

O Soneto das Ruas

É preciso ter força a suportar o infortúnio
Ter coragem para sobreviver ao ocaso
Um após o outro sem ter um ósculo
Vivendo sobre essa terra parecida com um sub-mundo

Auguras são muitas as exigidas no passar
O ônibus que outrora passa sem pestanejar
Ou o peso de um filho no braço carregado
Cujas mulheres ou homens os levam quase como um fardo

Julgar aos outros é de tão fácil observação
Olhar aos céus sobre as calçadas num trepidar
Também é necessária para ter com elas, na constelação!

Carros e pés claudicam sobre este chão
Perdidos caminham para sua vida exausta
Com o fervor de todas as horas, no esperar do voejar de uma asa...
Tassio Bruno O Presbítero
Enviado por Tassio Bruno O Presbítero em 28/10/2007
Código do texto: T713569
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor "Tassio Bruno F. Silva" ou o seu Pseudonimo "O Presbitero" junto ao link para o email "darkest_lost@hotmail.com"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tassio Bruno O Presbítero
Salvador - Bahia - Brasil
276 textos (11617 leituras)
3 e-livros (66 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 04:03)
Tassio Bruno O Presbítero