Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



BABEL

 

O tranco, o trompaço, o traço estapeia,

O entendimento transcende o possível,

Transtorno que estorva toda traquéia,

Que traduz no frêmito o perceptível.

 

Pereço em pré-coma, sem ter a idéia,

Que fosse pairando, o ponto invisível,

Plano perfeito, a avessa estréia, sem pressa

Inclina-se, desde o solo em desnível.

 

E explodem correntes, fio retorcido,

Robustecido à acumulada em nada:

Em um tempo insolúvel e espremido,

 

E fez-se o inóspito, e o desmerecido,

Babel com recheio, impossibilitada

De reverter o fogo consumido.

 

 

 

 

 

José Carlos De Gonzalez
Enviado por José Carlos De Gonzalez em 08/11/2007
Código do texto: T728110
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Áudio
BABEL - José Carlos De Gonzalez
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Carlos De Gonzalez
Itu - São Paulo - Brasil, 66 anos
556 textos (58960 leituras)
299 áudios (25481 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 03:19)
José Carlos De Gonzalez