Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

I
Feliz nem todos nós somos,
Ser feliz todos queremos.
Não é feliz quem supomos
Nem nós quando pretendemos.
II
Ser feliz, verbo maldito,
Dificil de conjugar.
Felicidade é um mito,
Não vás nele acreditar.
III
Eu sinto, ninguém me diz,
Nenhum poeta escreveu,
Por certo quem foi feiz,
De desventuras morreu.
IV
De quem feliz diz estar,
Não creias no dizer não.
Se há luz na face a mostrar,
Há trevas no coração.
V
Ser feliz, bem passageiro,
Difícil de se alcançar.
Vai-se embora tão ligeiro
Quanto custou a chegar.
VI
Ser feliz, quem não deseja?
Não há bem mais cobiçável.
Mas quanto mais se peleja
Mais está inalcançável.
VII
Felicidade é um bem
De variados matizes.
Pra cada feliz se têm
Não sei quantos infelizes.
VIII
Felicidade é amar
Sem temer os empecilhos,
Correr terra, céu e mar
E morrer antes dos filhos.
IX
Batalhei a vida inteira
Felicidade buscando.
Depois de muita canseira...
Continuo procurando.

Olival Honor
Enviado por Olival Honor em 10/09/2006
Reeditado em 10/09/2006
Código do texto: T236604
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Olival Honor
Colinas - Maranhão - Brasil
11 textos (308 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:50)
Olival Honor