Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

I
No coração eu carrego
Esta mágoa que me abala,
Tateando como um cego
Sem o guia e sem bengala.
II
Sinto lágrimas rolando
Como enchente no meu rosto,
Meu coração inundando
E afogando o meu desgosto.
III
Madrugada triste e fria,
Pleno inverno, mês de agosto,
Voz do vento  que gemia
Em tom de mágoa e desgosto.

Olival Honor
Enviado por Olival Honor em 10/09/2006
Código do texto: T236607
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Olival Honor
Colinas - Maranhão - Brasil
11 textos (308 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:33)
Olival Honor