Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
A mulher em seu corpo

Como desgarrada segue e não alcança
Não determina o seu desconforto
Seja querendo ser o absoluto.

A beleza passa ser incontestável
Curvas que entornam desejos
Promessas de um amanhecer
Escaldante em paisagens adescobertas

Parece que além pertence
Se dela a beleza transfigura
E se expande sem controle

Tecido não mais esconde
Que de tão belo só e somente
Existe.

Apenas deixa-se levar
A deriva deste perigoso mar
Que engole e fagogita.

Lorenzo Giuliano Ferrari
Enviado por Lorenzo Giuliano Ferrari em 03/11/2007
Código do texto: T721348
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lorenzo Giuliano Ferrari
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
1837 textos (51325 leituras)
1 áudios (2457 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 23:57)
Lorenzo Giuliano Ferrari