Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

a l m a

acróstico d'alma em resposta do amigo eder...



a   inda que eu falasse
l   ínguas
m   as que eu não pudesse cantá-las e co meu coração pronunciá-las
a   mim me eram ocas, e eu era vazio




Do ânimo sobre o reflexo do vazio
(eder ribeiro vogado)
       22/01/07

 

       Alada a uma tristeza intrínseca

     Lentamente o sofrimento desvela ao

   Meu ser o mal que ele me faz, conquanto é

 A dor que aos poucos despedaça a alma, é

 A morte, antes que a dor interna perpetua, que vem

   Levando um pouco da minha lucidez.

     Meu encontro com o fim não será de queixas

       A despedida foi dada desde o meu nascer

andré boniatti
Enviado por andré boniatti em 16/03/2007
Código do texto: T414800
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
andré boniatti
Corbélia - Paraná - Brasil
372 textos (50896 leituras)
18 áudios (1377 audições)
12 e-livros (767 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 16:57)
andré boniatti