Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Autores

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (7575 leituras)
1 e-livros (100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/05/19 02:57)
Fanny Estrela

Textos do autor
Perfil
Sou a Fanny, uma apaixonada pela vida e vivo em Portugal, pertinho de Lisboa!Sou professora de Línguas e Literaturas (Português e Francês), profissão que abraço há 20 anos.
Adoro ler, viajar, dançar, cantar, brincar... sou uma pessoa bem disposta, embora algo introvertida. Nestes últimos anos tenho-me dedicado a fazer arte gráfica, algo que tem inspirado a minha escrita, pois é na (re)criação dessas imagens e ouvindo determinadas melodias que alguns poemas meus adquirem a alma das palavras.
Sou algo solitária, gosto de me encontrar comigo própria, reflectir sobre a vida. Gosto de me sentir solitariamente acompanhada pelo silêncio, por uma música relaxante, por um livro... Gosto de escrever as palavras que a minha alma me sussurra.
Aprecio poetas como Fernando Pessoa, Pablo Neruda, Vinicius de Moraes, Carlos Drummond de Andrade, Florbela Espanca, Nuno Júdice... Deixo-me embalar por melodias que me aconchegam a alma e me fazem levitar no firmamento, como Secret Garden, Yanni, Sarah Brigthman...melodias suaves... calmas e profundas... Aprecio de um modo geral a música clássica, esta que tem o dom de permanecer sempre actual.
Não me considero poetisa, no verdadeiro sentido literário da palavra, não obedeço a esquemas de metro, rimas, etc... deixo simplesmente que os meus versos flutuem livres e soltos nas estradas infinitas da minha alma e do Universo.


Minha HP:
http://www.fannypoesias.tk
http://simplesmentemurmurios.blogspot.com



EU SOU...

*Fanny*


Eu sou companheira do Sol e da Lua...
sou uma estrela de cristal que brilha
no horizonte encantado dos poetas enamorados
Sou musa eterna do crepúsculo solitário,
sou fada das constelações doiradas,
sou brisa serena das esferas celestiais
sou bailarina nos braços envolventes do vento
que me levam ao oásis do pensamento.

Sou irmã dos sonhos alados...sou poesia
que vagueia livre pelo horizonte da fantasia...
Princesa da noite que habita no mundo da alvorada...
Lugar onde brotam os luares em flor
lugar onde nascem as águas sossegadas,
Ninho de nuvens azuis... rios de amor.

Sou a leveza da ave ondulante pelo infinito,
o voo suave... incessante das borboletas,
Melodias perfumadas...encantos floridos de Primavera
Desabrochando no elegante jardim de sorrisos e violetas

Sou guardiã da noite, sou guardiã do dia...
Sou guardiã dos mares e dos ventos...
Sou guardiã da Lua, do Sol...do infinito...
Sou segredo... sou enigma... sou mistério.
Sou guerreira...feiticeira...sou peregrina do Universo.
Sou mensagem deambulante...indecifrável verso
que flutua no horizonte da memória...
para além do Tempo.


Última atualização em 23/05/19 02:57