Autores

Perfil

 


Eu me chamo Lúcia silva
cordelista e escritora
Sou graduada em Letras
Também já fui professora 
Na escola Altimira Pinke 
Sou agente ou inspetora.

 

Eu nasci lá no sertão 
No recanto nordestino 
Bem na serra de Princesa
Um lugar tão pequenino
 No quilombo Livramento 
Onde escrevi meu destino. 

 

Uma matuta  da roça 
Filha de agricultor
Amante da poesia
De poeta cantador 
De improviso e cantoria 
A isso eu dava valor.

 

Desde cedo aprecio
Do Nordeste a cultura 
Comia cuscuz com leite
Angu, fava e rapadura
E fui auto alfabetizada
Com a popular  literatura.

 

Os livretos de cordel
Papai comprava na feira
Eu lia para seus amigos
História da cabroeira 
Da saga de Lampião 
Passava uma tarde inteira.

 

Depois criava minhas rimas
Brincando de improviso
Inventava qualquer verso
De choro e de sorriso 
De política e religião 
Ou do que fosse preciso.

 

Naquele tempo ainda
Eu não conseguia estudar
Morava longe da cidade
Que nem carro ia lá 
Mas eu pensava comigo:
Meu sonho vou alcançar.

 

Só um bom tempo depois
Eu fui viver na cidade
Terminei o ensino médio
E fiz até faculdade 
Para provar que a leitura 
Faz o sonho realidade.

 

Mesmo longe do quilombo 
Escrevo sobre minha gente 
Crio  contos e  memórias
Do povo afrodescendente
E divulgo a cultura 
Para os remanescentes.


De tudo eu faço um pouco
Até o que o povo manda
Tenho uma página no Face 
Que todo fim de semana
Escrevo um desafio
Com a Socorro Miranda.