Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Autores

Sobre a autora
Biazocas
Portugal, 67 anos
429 textos (17158 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/05/19 08:01)
Biazocas

Textos do autor
Perfil
CONFESSO

Confesso que sou feliz
Confesso ser verdade,
Tenho o que sempre quis
Tenho paz e liberdade.

Confesso que sou amiga
Nada faço por maldade,
Nada quero com a intriga
Só defendo a verdade.

E assim vivo contente
Vivo em paz e harmonia
Rodeada de boa gente...

Com muita sabedoria,
Mostrando aquilo que sente
Através da poesia.


Maria Custódia Pereira


MINHAS NETINHAS

A Lara estava sentada
Nem pensava em sair,
A Maria mais apressada
Forçava a porta pr’abrir.

E várias vezes tentou
Assustando a sua mãe,
Assim que a Lara chegou
Quis logo sair também.

Mas era tão pequenininha
Cabia na palma da mão,
Tão linda a minha netinha
Enche-me d’orgulho o coração.

A Lara… sentia-se bem
Sem pressa para chegar,
Na barrigona da mãe
Estava ali para ficar.

Mas chegou o belo dia
Embora a mãe quisesse,
Com medo toda tremia
E a cesariana acontece.

E assim fizeram de mim
Uma avó muito babada,
Já só penso ir pró jardim
Com as duas de mão dada.

Maria Custódia Pereira
12 e 29 de Junho de 2012


MÃE
 
 
És a flor mais bela
Que tenho no meu jardim,
Quando passo perto dela
Sorri sempre para mim.

 
E no seu doce olhar
Cresce a minha emoção,
Para sempre te amar
Mãe do meu coração.


Maria Custódia Pereira



 


Última atualização em 19/05/19 08:01