Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A grande saída

 É aterrador o que pode provocar o egoísmo, a inveja, a insensatez, a fúria e a maldade de um coração que vai pela vida, trazendo discórdias, tristezas e humilhações. Como é angustiante encontrar alguém assim pelo caminho...
 
São espinhos, são pedras, são brasas vivas, festejam o mal, procuram o mal. Temos que lutar para não sermos atiçados a uma insensatez ainda maior, o nosso coração se comprime de dor e ansiosamente clamamos por Justiça! Porém, é preferível calar, observar, e esperar corajosamente.
 
É preciso lutar, para que seu o coração não fique contaminado com o ódio e o rancor, pois se nos contaminarmos nesta podridão de sentimentos estaremos isentos de sermos chamados “superiores”.

O amor, a esperança, a paciência é a fortaleza que nos impede cair no abismo, pois sabemos que suas conseqüências são penosas. Estamos cientes que o mal nunca vencerá o bem. Nem a inveja é capaz de destruir nossos sonhos.
 
 É preciso praticar a humildade, excluir de dentro de nós, qualquer fagulha de sentimento que nos leva à vingança. É preciso relaxar, olhar para o infinito, meditar, perdoar essas almas empobrecidas, rancorosas e invejosas que jamais serão felizes se caso não mudarem. A nossa paz de espírito, o nosso amor e confiança em nós mesmos serão sempre a nossa fortaleza e a Grande Saída.

 

06/05/2005

SBernardelli
Enviado por SBernardelli em 01/12/2005
Reeditado em 20/06/2009
Código do texto: T79273
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
SBernardelli
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
914 textos (339578 leituras)
25 e-livros (11562 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/02/20 10:37)
SBernardelli