Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIVA O VIVO DO BRASIL

Viva o vivo
Ao morto, caixão
Fogo no velho ataúde
À Bolsa, ao Banco, cifrão

Sou um sou mil
Sou reflexo na vitrine
Vítima da ilusão
Do consumo
Do sumo do pobre
Se faz a riqueza da nação

Saio da fila da agonia
Quero a alegria
A rua aberta
a praça repleta de gente ao sol

Beijo, abraços
Acenos e laços
Sexo, amor, tesão
Brasil cor de tiziu
céu anil
sem dor carnificina chacina
é isso que penso e faço
um abraço!


Célio Pires de Araujo
Enviado por Célio Pires de Araujo em 18/07/2006
Reeditado em 19/08/2006
Código do texto: T196643


Comentários

Sobre o autor
Célio Pires de Araujo
São Paulo - São Paulo - Brasil
1382 textos (38511 leituras)
2 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/02/21 11:08)