Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORDEL

CORDEL – LINGUAGEM DO CÉU

Na humildade de sua linguagem o poeta
Fala das coisas do sertão...
O que pede o seu coração!
Mais próximo está do céu, no seu cordel!
À Terra ele desce de rapel
Pra bem depressa ganhar seu troféu!
Nesta poesia sem métrica, mas,
De compreensão simétrica,
O cordel fica dependurado
No varal acabrunhado!
Popular são suas estrofes
Simples suas rimas...
A vida pacata do sertanejo
Ele com sarcasmo a esgrima!
Nas paredes de suas esperanças
A beleza dos seus azulejos!
Na satisfação de cada cordel,
O poeta ávido pelo seu troféu,
Rabisca e cisca nas suas páginas
Sua arte, sensibilidade e mágicas!

Jose Alfredo
alfredoliterario
Enviado por alfredoliterario em 18/03/2020
Reeditado em 18/03/2020
Código do texto: T6890974
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
alfredoliterario
Lorena - São Paulo - Brasil, 74 anos
1026 textos (13247 leituras)
4 e-livros (46 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/04/20 06:38)
alfredoliterario