Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

médicos cubanos

Médicos, patriotas, cidadãos de bem estão convocados para substituir os comunistas Cubanos nas aldeias, zonas rurais, florestas amazônica, caatinga.
Onde tem malária, tuberculose, esquistossomose, hanseníase, leishmaniose, mas não tem shopping.
BRASIL ACIMA DE TUDO.
LEMBRAM?
"Vai lá campeão! Faça sua parte pelo Brasil."
____________________________________
Nota necessária: Sabe porque a melhor faculdade de medicina é CUBANA?
Lá eles formam médicos e não deuses.

||Quando se fala de saúde, Cuba merece o nosso respeito.

O dinheiro que chega a Cuba como parte da cooperação médica com o Brasil contribui para financiar os serviços sociais de 11 milhões de cubanos, incluindo parentes de médicos no exterior. O dinheiro não vai para a conta pessoal de ninguém nem serve interesses individuais. Enquanto alguns usam dinheiro público para salvar bancos, Cuba salva vidas.

____________________________________
ENQUANTO ISSO EM TERRAS TUPINIQUINS
Médicos brasileiros usam dedos falsos para enganar um hospital e para fraudar registro de ponto.

MÉDICOS BRASILEIROS RECUSAM-SE A IR ONDE ESTAVAM CUBANOS

Alguma novidade?

Dos dez primeiros médicos brasileiros que se inscreveram no Mais Médicos nesta quarta (21) para as 8.517 ocupar as vagas deixadas pelos cubanos, cinco deles escolheram atuar em capitais e municípios de regiões metropolitanas. Apenas um município escolhido é considerado de extrema pobreza. Outro está em área vulnerável e um terceiro em uma cidade com até 50 mil habitantes. Levantamento do pelo Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems) indica que pelo menos 285 cidades em 19 estados do Brasil devem ficar sem médicos dedicados à atenção básica em saúde na rede pública com a saída dos cubanos.

A informação sobre a opção dos médicos brasileiros é da jornalista Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo. A recusa dos médicos brasileiros de atender a população das periferias das grandes cidades e das regiões mais pobres do país foi um dos motivo que levou o governo Dilma a lançar o Mais Médicos em 2013 e logo firmar o acordo com o governo cubano e a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS).

O Rio Grande do Sul é o estado com mais municípios afetados pela saída dos cubanos — são 92. Em seguida vêm São Paulo, com 49, Paraná, com 27, e Minas Gerais, com 24. O Conasems ainda não tem dados sobre o Amazonas, Amapá, Ceará, e Espírito Santo. O Distrito Federal não foi considerado no levantamento.

Até a manhã de quinta, segundo o Ministério da Saúde, havia 6.394 inscritos no Mais Médicos.

FONTE:
https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/375751/M%C3%A9dicos-brasileiros-recusam-se-a-ir-aonde-estavam-cubanos.htm?fbclid=IwAR03Z1QiHQ1X1Wbru6yLbyJFPPRY_sCGODdXhVgsYksIulIdPNRIzpv44Zk
Serpente Angel
Enviado por Serpente Angel em 23/11/2018
Reeditado em 23/11/2018
Código do texto: T6510021
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Serpente Angel
Vernier - Geneva - Suíça
176 textos (7089 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/05/19 16:14)
Serpente Angel