Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou Eu, Jesus


“Jesus, porém, imediatamente lhes disse: Tende bom ânimo, sou eu, não temais” (Mt. 14:27).

A frase “não temais” no texto original (grego) é usado à palavra “tarseo”, que tem o sentido de uma ordem: Não temas! Ânimo! Coragem! É desta forma que o Senhor Jesus Cristo encoraja aqueles que necessitam de ânimo em suas vidas.
Ao paralítico que lhe foi levado em um leito foram ditas estas palavras: “Filho, tem bom ânimo; os teus pecados estão perdoados” (Mt. 9:2).
Para a mulher que durante doze anos sofrera com uma enfermidade incurável, suas palavras não foram diferentes: “Tem bom ânimo filha, a tua fé te salvou” (Mt. 9:22).
Despedind0-se dos seus discípulos e os encorajando diante das dificuldades que lhes sobreviriam, antes de orar por eles, as suas palavras foram de fortalecimento: “Mas vem a hora, e já chegou, em que sereis dispersos cada um para sua casa. Vós me deixareis só. Mas não estou só, pois, o Pai está comigo. Disse-vos estas coisas para que em mim tenhais paz. No mundo tereis aflições. Mas  tende bom ânimo! Eu venci o mundo” (JO 16:32,33).
Recobrar o ânimo é uma necessidade, precisamente em tempos de dificuldades, quando tudo parece confuso e sem saída. E a restauração de ânimo e uma atitude determinada, é uma conquista. Ânimo gera ânimo. Recobrar o ânimo é uma decisão pessoal.
No contexto do versículo base de nossa reflexão os discípulos estão tomados pelo medo. O barco estava sendo açoitado pelas ondas, pelos ventos contrários e a escuridão era total. A situação não era nada favorável. Tudo apontava para um desfecho trágico, e ainda mais, eles pensavam que estavam vendo um fantasma. Não tinham percebido que era Jesus que vinha por cima das águas. Às vezes passamos por situações idênticas. Entretanto, as palavras do Senhor Jesus foram: “Tende bom ânimo, sou eu, não temas.”  Pedro foi o primeiro a recobrar o ânimo, e disse: “...Senhor, se és tu, manda-me ir ter contigo por sobre as águas” (Mt. 14:28). Jesus respondeu: Vem! E Pedro animado pelas palavras de Jesus, se lançou nas águas sem se importar com tudo que o cercava e que lhe era contrário.
O ânimo de Pedro veio depois de uma palavra profética, Jesus em momento algum vai impedir um ato de fé dos seus servos. Diante da atitude de fé de Pedro, Jesus o incentivou para que prosseguisse: Vem! Enquanto Pedro estava olhando para Jesus caminhava sobre as águas. O apóstolo Paulo declara em Romanos 10:17: “ A fé vem pela pregação, e a pregação, pela palavra de Deus”. Pedro, o mesmo que andou por cima das águas, declara posteriormente: “Finalmente, sede todos de um mesmo sentimento – ânimo em algumas versões – compassivos, cheios de amor fraternal. Misericordiosos. Não pagueis mal por mal... (I Pe. 3:8,9).
Precisas recobrar o ânimo? Leia a Palavra de Deus. Experimente o remédio de Deus para a depressão.
Paulo Cezar Santos
Enviado por Paulo Cezar Santos em 23/10/2007
Reeditado em 23/10/2007
Código do texto: T706304

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Cezar Santos
Aracaju - Sergipe - Brasil, 60 anos
109 textos (13688 leituras)
2 e-livros (70 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 23:24)
Paulo Cezar Santos