Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Olhos: Identidade da Alma - II

A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz...( Mt. 6:22 )

A Bíblia afirma que os olhos são a lâmpada do corpo. Sendo assim, a intensidade da luz dos nossos olhos, dependerá do brilho que provém do nosso coração. Como elo de ligação entre o exterior e o interior do homem, os olhos, como janela da alma, são os aferidores do estado espiritual da alma. Alma pura; olhos bons, corpo reluzente. A recípocra também é verdadeira:alma engrecida pelo pecado; olhos maus, corpo em trevas e quão grandes trevas! Olhos arredios, pesados...que encurva a fronte.
Continuando a nossa reflexão sobre o encontro de Pedro e João com o coxo na porta do templo chamada Formosa, vemos que em resposta as palavras de Pedro o coxo "... olhou para eles...". O coxo olhou, mas, não os viu, somente usou o orgão da visão, porém não olhou com o coração. Olhou como um pobre miserável, pois, assim se via, assim era, conforme Provérbio 23:7: "Porque, como imaginou na sua alma, assim é..." Aquele coxo olhou para o possível dos homens, para as migalhas da vida. Olhou para triste rotina de sua história. Olhou como olhava a todos, todos os dias; entrando e saindo do templo. Era o seu cotidiano. Olhou como mendigo, como um pedinte. Olhou para os valores temporais. Olhou para sua realidade; era mais uma oportunidade de ganhar umas moedas. Olhava como a implorar, pois, estava "esperando receber alguma coisa". O seu coração, a sua alma e o seu espírito depositava toda sua fé nos homens. Sua vida sempre foi uma trajetória de depedência do próximo.

Ao convite de se apresentar, de olhar para aqueles dois rudes pescadores, esperou receber somente aquilo em que acreditava:moedas, fruto da caridade alheia. Porém, o que ele não viu foi o brilho intenso no olhar daqueles homens. O que eles tinham para oferecer era muito mais valioso do que coisa perecíveis, como o ouro e a prata. E para chamar a atenção do coxo, Pedro e João, disseram-lhe: "Olhe para nós...Não tenho ouro e nem prata, mas o que tenho te dou: Em nome de Jesus, o nazareno, levanta-te e anda". O livro do profeta Isaías 45:22, registra: "Olhai para mim sede salvos".

Quando o coxo olhou para Pedro e João, de uma forma mais direta, viu o poder de Deus. Ele andou. Aleluia!!! E a história se desenrolou. Fatos surpreendentes aconteceram devido a este milagre. O poder de Deus foi manifesto porque alguém tinha mais que um olhar superficial, de aparência. Aqueles homens tinham o olhar de Deus.

Para onde estamos olhando? Estamos olhando para a realidade que nos cerca, com o olhar do coração? O mundo está prostrado no pecado e no erro, e Deus está em busca de alguém que reflita sua luz, proveniente de um coração consagrado e santo. E você que está prostrado na enfermidade do pecado, medite nestas palavras: "Olhando para Jesus, autor e consumador da fé. o qual pelo gozo que lhe estava proposto suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus" (Heb. 12:2).

Sim, volte seus olhos para Jesus.

Paulo Cezar Santos
Enviado por Paulo Cezar Santos em 24/10/2007
Código do texto: T707651

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Cezar Santos
Aracaju - Sergipe - Brasil, 60 anos
109 textos (13688 leituras)
2 e-livros (70 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 21:19)
Paulo Cezar Santos