Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Gosto amargo

Te conhecer foi ter o céu
Ter noite de encanto estreladas
Paixão alucinada de Orfeu
Intensidade e volúpias desejadas

Encantou seu amor com música e poesia
Dizendo a todo instante que a amava
Sentimento acabou antes de terminar o vinho
Na boca ficou o gosto amargo da ironia

O relógio do tempo marcou
Rápido como a luz de um raio
Sentimento voraz de um lacaio
Que fez juras no pé do ouvido, que amou!

E não houve tempo para cumprir
O céu estrelado se apagou
E restou apenas as promessas
Falada na hora do prazer sem pressa

Desse romance restou os sonhos
Os planos que nunca realizou
A conversa olho no olho, adiada
E a certeza apenas que foi ludibriada.

By Claudia Florindo Corrêa
28/02/18
Claudia Florindo Corrêa
Enviado por Claudia Florindo Corrêa em 28/02/2018
Reeditado em 18/03/2018
Código do texto: T6267196
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Florindo Corrêa
Mangaratiba - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
265 textos (3865 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/19 18:55)
Claudia Florindo Corrêa