Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ASSUMIDO


Andava de cabeça baixa,
Já faz tempo, desde de menino,
A vida não tinha graça,
Culpava sempre o destino.

Gostar de uma bela calcinha,
Calçar um alto sapato,
Usar saia de rendinha,
Não é pra o homem, de fato.

Mas quem disse que é homem,
Este belo travestido?
Preconceito que não some,
E o deixa reprimido.

Agora, depois de adulto,
Dono de seu próprio nariz,
Não aceita mais insultos,
Á todos, assim ele diz:

-Vou viver do jeito que eu quero,
me aceite quem quiser,
não sou homem, não sou hétero,
tenho sangue de mulher !




Carlos Mambucaba
Enviado por Carlos Mambucaba em 16/01/2006
Código do texto: T99811
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Carlos Mambucaba
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
529 textos (44095 leituras)
86 áudios (7927 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/21 02:08)
Carlos Mambucaba