Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÉTER

Éter
Cdor Heraldo Lage
(Homenagem à poetisa "Iracema Zanetti" - Ceminha)
* Licença poética para a “palavra” entre aspas *


Querida Poetisa, Iracema Zanetti
A mulher que fez de certa cabeça
Verdadeiro e delicioso, "omeletti"
Marcada para que não a esqueça


Tua presença em minha vida tem um grande significado !
Por tua viva força, como podes transmitir tanto acalento?
Sinto-me como, em meio ao gado, um touro bem marcado !
Pelo destino que, por ti, mulher ... oferta-me tanto alento !


Se em minha vida recebi a oportunidade de conhecer-te
Dentre tantas vidas, por este lindo Universo, espalhadas
É porque se impõe a mim, responsabilidade de merecer-te
Sou apenas uma dentre pessoas eternamente abençoadas


Tua pujança, querida Ceminha, aliada ao doce carinho
Traz a alguém, poeta (?), a certeza de não estar sozinho
Ponto de sair a poetar para ti, Musa, por todo o teu afeto
Dizendo coisas, em meros rabiscos, buscando ser o dileto


E se um dia, neste mundo, modesto poeta não mais estiver
Que te encontres com ele presente, não te sintas só e vazia
Recebe aqui, agora, um recado como a verdadeira profecia
Junto a ti o terás, mesmo em Éter ! És Grande ! Oh ! Mulher.



Heraldo Lage
www.hlage.com.br
Em 27/05/2002 - 14:28 hs
Cdor HeraldoLage
Enviado por Cdor HeraldoLage em 07/03/2005
Reeditado em 16/11/2012
Código do texto: T5894
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Cdor HeraldoLage
Santos - São Paulo - Brasil, 69 anos
46 textos (3720 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 31/05/20 09:37)
Cdor HeraldoLage