Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ama-me como sou

Nasci... Cresci... Fiquei adulta
Dos meus sonhos projetados
Para alguns deles paguei multa
Outros sonhos ficaram cansados
Outros evolaram-se, não sei
Outros reativaram perfumes
De outros sonhos que sonhei...

Sou sonhadora com os pés no chão
Fito as alturas, perscruto o universo
Observo as planícies e em cada grão
Que semeio construo meu verso
Lavado com lágrimas de alegria e dor
Resultado de cada sonho diverso
Gestado com o mais profundo amor...

Sou assim, como rio ou riacho
Que corre entre lajedo e pedregulho
Os anos passam, me perco e me acho
Entre o alarido do tambor ou o arrulho
E se me amas assim no lazer ou no cansaço
Colhe teus sonhos e junte-os aos meus
E serás feliz, bem feliz no meu regaço...

Minha mente, então, que caminha
Por entre nuvens e estrelas evanescentes
Mas desce às profundezas do oceano
Não cansa em olhar teus olhos reluzentes
Que dizem me amar a cada novo ano
Porque tua vida enlaçou-se à minha
E, amando-me assim é disso que me ufano...
Mena Azevedo


 
Mena
Enviado por Mena em 05/05/2016
Código do texto: T5626331
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mena
Brumado - Bahia - Brasil
539 textos (117352 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/19 09:59)
Mena