Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto









“NATUREZA INTELIGENTE”.

             

 

Encantado estava eu a observar... O que parecia um tapete movediço, de repente o tapete ganha altura, eram milhares de aves a voar... Um vôo rasante coletivo, encobrindo toda planície ribeirinha, soltando cantos diferentes.

Pareciam terem combinado a altura e a velocidade do vôo.

Lá embaixo agora havia predadores, entendi então a necessidade daquele vôo coletivo.

Mas aquele tapete voador não se distanciava daquela planície, voava em circulo, como se esperassem o momento de os predadores afastarem-se dali.

O céu era bonito cor de anil, as nuvens eram brancas cor de algodão... Enquanto a planície era um tapete verde visto de longe e de um plano mais elevado.

Aquelas aves não cansavam, e continuava o seu espetáculo voador; enquanto lá embaixo, os predadores demonstravam toda paciência que a mãe natureza lhes deu.

Agora eu dividia o prazer de observá-los... E a preocupação de quanto tempo duraria a resistência daquelas aves no ar, pois em algum momento elas teriam que descerem ao solo... Afinal, teriam que descansar.

A tarde ia caindo, o sol se aproximava das montanhas, e os predadores ali, não a observar o espetáculo, mas a esperar o seu jantar que por algum tempo, ainda flutuava no céu.

Mas este momento não acontece... Pois a luz do sol já começa enfraquecer, e algumas daquelas aves desprendem-se do grupo e lançam-se no espaço para bem longe dali; sendo agora seguidas por todas as outras, e somem no horizonte a procura de um aposento seguro para pernoitarem em segurança, e de preferência longe de olhares gulosos, dos seus inimigos predadores.

Feliz com o desfecho dos acontecimentos, eu também abandono o meu posto de observação, e aplaudindo a sabedoria da mãe natureza, que com certeza mais tarde arrumaria um outro jeito, de alimentar os outros filhos predadores, que também precisariam alimentar-se para seguirem o curso da vida.







 

 

 

 

Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 22/09/2007
Código do texto: T663231
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 60 anos
3913 textos (262284 leituras)
185 áudios (36423 audições)
9 e-livros (7461 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 20:43)
Antonio Hugo

Site do Escritor