Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR SEM ASAS

*Fanny*

Versos ao vento no abismo das quimeras,
lembranças vertidas num obscuro caminho...
Sementes de dor germinam na primavera,
brotam na aridez dos desertos sem carinho.

Brumas de solidão enchem-se de saudade...
obscuridade do pensamento sem sonhos...
Dança das sombras sem luares e afinidades
descompasso perene do Tempo medonho.

Amor sem asas... falenas sem voo flutuante...
Suspiros entorpecidos, numa contida emoção,
emudecem o poema das alvoradas sem canção.

Soçobram esperanças no céu tremelutante...
Alvoroço de brisa, num vento em alucinação,
desmorona as rimas desenhadas no coração.

Fanny Estrela
Enviado por Fanny Estrela em 02/07/2008
Código do texto: T1061515

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fanny Estrela
Portugal
230 textos (7577 leituras)
1 e-livros (100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/06/19 06:29)
Fanny Estrela