Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O PATAMAR PSÍQUICO

Ainda que iniciado há mais de 50 anos na arte poética, impressiona-me imensamente o processo sensitivo-intelectivo que permite a fixação da Poesia através da peça escritural que lhe dá formato. Fico a todo o tempo tentando chegar a um conceitual compreensível, o qual permita ao poeta iniciante – o neófito – entender que o poema com Poesia exige, através de uma linguagem sintética e rítmica não aberta e nem derramada de sentimentos e intimismos, venha a eclodir na cabeça do poeta-leitor (todo o leitor de poesia também é um poeta) uma sensação estética assentada num ritmo diferenciado da linguagem prosaica usual, cotidiana. E que, por sua absorção pelo receptor, produza nele um universo novo, no qual a imagem vinda a lume seja a transmissão da voz do Mistério – a inexplicável magia que lhe dá origem. Porque o poema nada mais é do que a materialização da Poesia. Um sentir peculiar versado e ritmado a produzir imagens e sensações. Tudo segundo o patamar psíquico de seu receptor.

– Do livro inédito A VERTENTE INSENSATA, 2017/18.
https://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/6353469
Joaquim Moncks
Enviado por Joaquim Moncks em 02/06/2018
Reeditado em 02/06/2018
Código do texto: T6353469
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Joaquim Moncks). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Joaquim Moncks
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 72 anos
3298 textos (833715 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/12/18 02:06)
Joaquim Moncks