Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Autores

Sobre a autora
Angela Ramalho
Maringá - Paraná - Brasil
648 textos (58475 leituras)
8 e-livros (949 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 13:00)
Angela Ramalho

Textos do autor
Perfil
UM POUCO SOBRE MIM...

Sou Angela Ramalho, uma Pedagoga apaixonada pela arte de escrever. Costumo escrever sobre tudo, mas em especial sobre o amor. Esse hobby trago desde a adolescência, mas acabava rasgando, jogando fora ou escondendo os meus textos.
Fiquei muito tempo distante dessa paixão, envolvida nos afazeres do dia a dia. Recentemente descobri a possibilidade de postar meus poemas pela net, através do Recanto das Letras e isso me estimulou a dar continuidade aos meus rabiscos. Não tenho pretensões literárias. Se conseguir tocar o coração de alguém, dou-me por satisfeita. Acredito estar realizando esse objetivo e digo isso baseada nos inúmeros comentários incentivadores que recebo diariamente.
Meus poemas me possibilitaram conhecer pessoas fantásticas e já me levaram a estados e até a países que eu, pobre mortal, não sei se um dia chegarei a conhecer.
Mas minhas letrinhas estão lá. Pedaços do meu coração e da minha alma de poeta, andam por aí falando de e/ou sobre mim.
Um deles já foi publicado em duas Antologias, sendo classificado entre os 150 melhores poemas do ano de 2007, numa seleção que incluía mais de 6.000 poemas. Outro foi publicado em um jornal literário do Rio Grande do Sul.
Dia desses, encontrei um poema meu ilustrando o perfil de uma usuária do Orkut. Apenas pedi a ela que fizesse a gentileza de citar a fonte e o autor, mas me gratifica saber que pessoas dos mais diversos níveis culturais identificam-se com os meus escritos.
Abaixo, transcrevo uma homenagem recebida de Zé Albano, poeta português, e que muito me honrou.
São esses pequenos prazeres que nos fazem entender a dimensão de ser poeta.
Meu carinho ao amigo Zé Albano e em especial a todos os amigos, virtuais ou não, que me lêem neste espaço.

Angela Ramalho



Homenagem a Angela Ramalho

Analisa qualquer tabú!
Nas sua letras põe a nú.
Gestos e gostos sentimentais.
Escreve com muito rigor,
Louvando sempre o amor,
Apresentado com rituais.

Rebelde! Não, talvez ousada...
A escrever não usa loucura,
Mas apóia-se na ternura.
Apresenta a sua teoria
Lavrada em diversa formas,
Honra-nos a sua magia,
Onde não sai fora das normas.

Zé Albano, Poeta Português.


Última atualização em 20/08/17 13:00