Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sempre Mírian

Mírian é como a Sempre-Viva, flor das montanhas. Dos dezessete anos que convivemos no trabalho e na vida pessoal eu posso falar.
Mírian parece flor. Mas não uma frágil flor. A Sempre-Viva se parece com a Mírian de hoje em dia. A outra Mírian "flor-carne" do passado hibernava a "flor-alma", num inverno nebuloso que negava e escondia a Mírian flor de hoje em dia.
Não se pode negar que a pessoa e a alma de artista estão mescladas nesta nova Mírian. Porque em sua sabedoria, o bondoso Criador a modelou com o barro da outra, mas a refinou antes, no fogo ardente da dor. Daí nasceu a Sempre-Viva, flor também conhecida como Sempre-Verde.  Não é por acaso que esta poetisa sobrevive a tantos revés. E os contra tempos a destroem? A resposta é a sua nova obra. Aí está ela viva flor. Não como alguns possam querer que ela estivesse. Talvez, pronta para a guerra. Mas ela está sim plena do conhecimento maior que todos nós temos que ter, o de nos deixarmos modelar- barro que somos (Gen. 2:7)- por quem de direito, o nosso Criador e Seu Filho Jesus.
É muito bom ler os poemas de Mírian e sentir que a mão de Deus a faz nova e Sempre-Viva flor.


Angela Maria Bonfim Souza é Arquivista, Coordenadora do Arquivo Público de Alagoinhas, poetisa,Auxiliar de Biblioteca Pública e reside em Alagoinhas na Bahia.
Mírian Pinto de Souza
Enviado por Mírian Pinto de Souza em 03/11/2006
Código do texto: T281114
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mírian Pinto de Souza
Alagoinhas - Bahia - Brasil, 63 anos
13 textos (296 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 05:05)