Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
5 - a estrutura

25/10/2006 16h35 - Deth Haak
BÊNÇÃOS POETA! Ser a parte que te conta um conto, é um contar cantando, se conto o que a mente encanta, então enquanto te conto, o quanto encanta teu conto, componho que conto cantando, encantando o o que te conto! Beijos poéticos morrendo do prazer. " A Poetisa dos Ventos" Deth Haak

30/10/2006 15h40 - Nina
Dificilmente um conto de cunho erótico tem embasamento várias participações conjuntamente, já que a epígrafe a dois é o mais sensato e natural (acho que sou conservadora...rsrs). Porém concordo que esse comboio vai dar ibope (a mostra já é boa!) Adorei o primeiro ato, que venham os próximos.../**/ Abraços.

Mim,
Hoje és Nina e/ou Deth Haak.

Com o tempo tudo passa a passa_do..., a ideia dum diário é peregrina, peregrinemos.
Teu comentário surge... em 1 – primeiro texto. Hoje tentarei tornar fácil a circulação na narrativa, para a podermos "folhear" livremente, como num livro.
Para que conste, de antes-de-ontem para ontem, mudámos da Hora de Verão para a Hora de Inverno. Hoje penso organizar esta narrativa espiclundrífica, de vez!
No final de cada capítulo - leitoras/es - confirmem, podem confirmar... a história, com uma mão-cheia de capítulos, chego a
5 - a estrutura.
A circulação poderá fazer-se, ponho à disposição dos leitores um ÍNDICE.
O narrador R, eu, encontro-me comigo e os outros/as... 
http://www.recantodasletras.com.br/cartas/262144
Se quiserem ir ver o meu último texto, neste momento têm de sair da narrativa... prolongando-a.
A estrutura é seguir uma ordem numérica simples, a navegação é garantida!
Passo directamente à continuação inicial do "primeiro texto" em
(25.10.06)
...

Já não será hoje, de hoje (o) poema:

* POSSÍVEL?
«uns são
mais iguais que outros»,
Anónimo(s)

todos nascem iguais mas
uns nascem de forma
ma_i_s...

«mais igual que outros»,

são talvez
os que participam
de forma - silenciosa...*

{Conti_nua: - Acção!...
http://www.recantodasletras.com.br/mensagens/278543
Conter (em si) nua (o - poder de poder - dizer :) Acção!...}
Francisco Coimbra
Enviado por Francisco Coimbra em 31/10/2006
Código do texto: T278772
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco Coimbra
Portugal
785 textos (310480 leituras)
37 áudios (39564 audições)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:36)
Francisco Coimbra