Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TEMAMO - A JUÍZA DE VÁRIAS SENTENÇAS. Série: Figuras da Bahia

TEMAMO  - A JUÍZA DE VÁRIAS SENTENÇAS
SÉRIE FIGURAS DA BAHIA

TEMAMO é a abreviatura do nome da Doutora Juíza.

Quando jovem, dizia que ia ser freira. A mãe e o pai falavam com orgulho da filha que iria já para um Convento!...

TEMAMO era uma moça parecida com Creusa da novela América... Não era bonita. Sonsa e safada, que ela só...

Conheceu e namorou um  nosso parente próximo e armou-lhe uma arapuca, acusando-o de tê-la desvirginado. Em polvorosa, as famílias concordaram em fazer o casamento. Casaram-se em Salvador e foram poucos meses depois para o interior. O marido, advogado dos bons. Ela, professora.

Na pequena comunidade onde moravam, ela não se sentia bem. Queria ir para a Capital, onde pudesse exercitar mais o sexo. Até o próprio marido dizia, entre os parentes: "Ela é doente, sofre de furor uterino"!

Tanto ela fez que o marido para ver-se livre de tanto assédio, deixou-a ir morar com as filhas em Salvador.

Lá instalada, começou a ir ao cinema sozinha e chegava tarde da noite dizendo que assistira duas sessões...

Até que um dia, alguns familiares passaram a desconfiar de tantas saídas noturnas...

Então, ele chegou ao cúmulo de desfilar com o amante e levá-lo sorrateiramente para sua própria casa, para sua própria cama!...

O corno do marido advogado, que ficara na cidade do interior, de nada sabia... Continuava trabalhando como um louco para sustentar a ninfômona...

Alguns escândalos aconteceram e seus parentes resolveram advertí-lo da situação.  Quando recebeu a notícia do adultério, ele esbravejou, quis até matá-la, mas foi contido pelo irmão que o acompanhara. Casamento termindado, separação, desquite, a essa altura o seu amante Belchior havia morrido (segundo se dizia de fraqueza pois fazia sexo, quatro, cinco vezezs por dia)...

Ela não se fez de rogada. Passou a dar em cima do Desembargador Pimenta, assemelhado físicamente a Charles Chaplin, quando interpretava Carlitos. Ele andava de bengala, lento, nos seus mais de sessenta e cinco anos, próximo da aposentadoria. Casado, Dr. Pimenta morava com a esposa, mas ia todos os dias à casa da TEMAMO, que passou a estudar Direito, formou-se e passou a advogar sob as asas do amante que lhe era muito útil, desde as provas do Vestibular até o concuros para Juiz que realizou e passou de primeira. Preparada ela não era, mas era uma mulher de 30 anos, se dizia boa de cama e o homem já estava com 70... Pela amada ele fazia qualquer negócio... Tinha força no Tribunal para aprovar quem bem quizesse...

Inicialmente ela foi nomeada Juiza em Comarcas do interior, na 1ª Entrância. Logo que apareceu uma vaga em cidade maior, de terceira, Pimenta mexeu os pauzinhos e a transferiu. Daí para Salvador, foi questão de tempo...

Vender sentença era sua especialidade. Às vezes, vendia a sentença para as duas partes e não devolvia o dinheiro em espécie, que recebera de ambas através de intermediários, a maioria, advogados, cujos processos andvam a jato...

Quando acontecia de sair sentença contrariando uma das partes que também pagara propina e o advogado ia cobrar, a Dra. TEMAMO  limitava-se a dizer: " Ora, fulano, o dinheiro eu já gastei.; aguarde outra oportunidade, em outro processo e aí nós resolvemos isso" . E dava o caso por encerrado.

Quando o Pimenta faleceu, TEMAMO conseguiu ser meeira pois tem uma filha com ele. Passou a receber os proventos de Juíza aposentada e mais  a pensão de Desembargador. Estas quantias somadas chegam a 34 mil reais. Mas ela só anda pendurada no cheque especial e nos cartões de crédito.  Deve a vários agiotas e a quase todas as amigas que lhe emprestaram suas economias, a maioria, sem a mínima chance de receber nada.

TEMAMO gosta muito de Restaurantes e Dancings que freqüenta semanalmente, sempre acompanhada por algumas amigas e por alguns homens, escolhidos a dedo, alguns deles já designados para pagaraem contas de 400, 500, 600 reais. Pois a megera quando vai a restaurante come durante umas duas horas, bebe whisky, vinho, cerveja, fuma muito e depois quer dançar com aqueles que ela escolher...

Uma vez por semana ela freqüenta um bar dançante em Amaralina cujo evento acontece às quintas-feiras e dá muitas velhotas atrás de garotos para transar. Os gigolôs botaram nesta festa o apelido de "baile das varizes".

TEMAMO está com cerca de 160 Kgs., mede um metro e 60 cm. e tem 71 anos de idade. Continua em plena forma, fazendo tudo o que está aqui descrito e que estou registrando para ficar nos anais, pois uma figura que tornou-se folclórica não poderia deixar de ser alvo de um conto desta natureza.

Não dei o seu nome completo para não constranger a família, muito menos a família do Dr. Pimenta, que encontra-se em outra dimensão.

E na Bahia, existem outros casos parecidos com este!

Quando me der na telha, volto com outras novidades!
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 10/11/2005
Reeditado em 31/08/2008
Código do texto: T69456

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 77 anos
1214 textos (272409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:31)
Ricardo De Benedictis