Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TIMIDEZ

          ABRUPTAMENTE, ME VEJO DIANTE DELA. OS QUE ME VÊEM, OS QUE ME CONHECEM, NÃO ACREDITAM QUANDO DIGO SER PORTADORA, DE UMA GRANDIOZA TIMIDEZ.NÃO ENTRISTECE-ME, QUE NÃO CREIAM, POIS ISSO TALVEZ SE DÊ, PORQUE MEUS SINAIS EXTERNOS( O QUE SINTO BEM LÁ....DENTRO DE MIM),NÃO ESTA TÃO EVIDENTE ASSIM.QUEM SABE, EU ESTEJA BEM SOLIDIFICADA POR FORA, AO PONTO DE PASSAR UMA SEGURANÇA QUE NÃO  ME PERTENCE.
          A VERDADE, É QUE, A TIMIDEZ SEMPRE ME ACOMPANHA EM SITUAÇÕES, QUE ME EXIGEM PRESENÇA,ATITUDE, AQUELEAS EM QUE EU SOU O FOCO DAS ATENÇÕES. MUITAS VEZES, SENTI VONTADE DE FUGIR, AO TER DE LER EM PÚBLICO.MUITAS VEZES, QUERIA TER O PODER, DE ME TRANSFORMAR EM UM SER, TOTALMENTE INVISÍVEL, POR ESTAR SENDO OBSERVADA.TODOS OS OLHARES VOLTADOS, EXCLUSIVAMENTE PARA MIM.
          SER TÍMIDA, É UMA AGONIA.BOM MESMO É SER DISCRETO, MAS CHAMANDO A ATENÇÃO. SER PERCEBIDO, SEM SENTIR CALAFRIOS OU QUE SE VAI, DESMAIAR.TÃO BOM SERIA, AGIR APENAS COM NATURALIDADE, SEGUINDO A HARMONIA DOS ACONTECIMENTOS.
          SÓ O FATO DE IMAGINAR-ME, LENDO UMA DE MINHAS POESIAS EM PÚBLICO, SINTO-ME RUBORIZADA, SUANDO FRIO E COM TREMORES.A SALIVA PARECE SECAR COMPLETAMENTE.AS MÃOS E AS PERNAS, NÃO PARAM DE SE DEBATER. PARA FALAR A VERDADE, ACHO QUE, DE TUDO ISSO QUE A TIMIDEZ CAUSA EM MIM,A PIOR, É A AMNÉSIA, O ESQUECIMENTO DAS PALAVRAS A SEREM PROFERIDAS.ISSO CAUSA UMA VERGONHA INESQUECÍVEL.
          SE PASSARMOS, É CLARO, A TER ACESSO, AS MESMAS PESSOAS, ISSO VAI DIMINUINDO, POIS VAMOS PESQUISANDO AS REAÇÕES, E NOTANDO QUE TUDO O QUE NOS MARTIRIZA, É SOMENTE NOSSO. OS ESPECTADORESACHAM TUDO DIVINO, FENOMENAL, E NEM SE QUER PERCEBEM A NOSSA TIMIDEZ.
          MUITAS VEZES AINDA SINTO, QUE O PAPEL NA MINHA MÃO, VAI ME DENUNCIAR, POIS AS MÃO QUASE NÃO CONSEGUEM SEURAR O MESMO, QUE PASSA DE UMA PARA A OUTRA, CONSTANTEMENTE, NUM FRENESI AGONIANTE.
          IMAGINEM, QUANDO UM ÚNICO OLHAR SE FIXA AO MEU, SEM UM PISCAR, E ENVIA-ME UMA MENSAGEM VISUAL, DIZENDO QUE VAI ME QUESTIONAR A QUALQUER SEGUNDO.SINTO-ME DESMANCHANDO. É COMO SE ESSE OLHAR, FOSSE UMA MÁQUINA DE TORTURA, E QUE EU IA SER POSTA A PROVA, EM MINHAS FORÇAS, JÁ TÃO MINADAS.
          MUITOS SÃO TÍMIDOS DOENTES MESMO. COM SINTOMAS GRAVES. MAS OUTROS, NEM TANTO. AGORA AMBOS SÃO MESMO TERRÍVEIS, E DEVEM SIM, SEREM TRABALHADOS.QUE BOM SERIA, SE UMA ÚNICA PÍPULA, RESOLVESSE TUDO.SERIA MAIS FÁCIL LIDAR, COM ESSA FRAQUEZA DE ESPÍRITO, COM ESSA FALTA DE AUTO-CONFIANÇA.
           QUEM SABE, AO LONGO DO TEMPO, EXERCITANDO NO ESPELHO, EM REUNIÕES FAMILIARES, OU MESMO EM PEQUENOS GRUPOS COMUNITÁRIOS, ISSO PODE VIR A SE DISSIPAR.SEMPRE PERCO-ME EM UMA AUTO-ANÁLISE, POIS POR MUITO ME VEJO EXTROVERTIDA, E NO MAIS, MUITO TÍMIDA TAMBÉM.
           NÃO É FÁCIL VENCÊ-LA, NEM TAMPOUCO ESQUIVAR-SE DELA, COMO SE FOSSE UMA FRUTA, DE QUE O SABOR NÃO NOS APETECE, E PRONTO.NÃO É FÁCIL ASSIM. NÃO DÁ PARA SIMPLESMENTE, DEIXÁ-LA DE LADO E NÃO A PROVAR, POIS ELA ESTA NA BOCA, ESPERANDO APENAS O MASTIGAR.
            TALVEZ UM DIA, QUANDO ELA MENOS ESPERAR, EU A DERRUBO. QUEM SABE UM DIA EU NÃO MAIS SEREI, VENCIDA E SIM, A VITORIOSA.
milizinha
Enviado por milizinha em 30/08/2006
Reeditado em 20/05/2011
Código do texto: T228670

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
milizinha
Rio do Sul - Santa Catarina - Brasil, 52 anos
637 textos (94446 leituras)
1 áudios (272 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:13)
milizinha