Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANJO GUARDIÃO

Querido Anjo, hoje senti um enorme desejo de lhe falar. Preciso agradecer-lhe o cuidado com que cuida de mim. Estamos juntos diariamente do acordar ao dormir.
Como sei disso? Sinto a sua doce presença.
Percebo o leve toque da sua mão ajudando-me a caminhar...
Ouço sua voz suave conduzindo-me à reflexão...
Sinto a leveza com que enxugas minhas lágrimas, quando por alguma razão que me leva à tristeza, choro...
Percebo quando ternamente encosta minha cabeça em seu ombro se preciso de colo...
E se cometo algum erro, não foi por ter sido abandonado por você, mas sim, por ter deixado de ouvir sua inspiração...
Nesses momentos você não me recrimina, mas faz-me ver que Deus nos deu o livre arbítrio para decidirmos quais decisões tomar...
Em seguida você me lembra que o tempo é o melhor remédio...
Obrigada, Anjo por sua constante presença em minha vida. Espero continuar sendo merecedora da sua atenção.
Quero ter sempre “alma de poeta e mão de obreiro” como já disse alguém, para poder perpetuar essa sintonia que nos une por afinidade.

Leve o meu abraço fraterno a Jesus Nosso Mestre e Amigo.
E à Maria e ao Pai Celestial, meu eterno agradecimento por ter me dado o privilégio de ter uma família linda, saudável, harmoniosa e feliz.

Paz aos homens e mulheres do planeta!

Selma Amaral
Enviado por Selma Amaral em 19/12/2004
Código do texto: T672
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Selma Amaral
Arcoverde - Pernambuco - Brasil
275 textos (56063 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 21:01)
Selma Amaral