Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRAZER ULULANTE...




    Teu sopro em meu rosto, ventando aragem gostosa,
pêlo em seda pink-majetosa; tez suada carmim de fruta Potiguar briosa.
    Palavra acesa, tesa dentro em mim, um curumim ébano fogoso; rimar de simples gozo, encantado assim.
    Sobre o lombo do meu sonho, tua manta, tua cela, o prensar da tua costela, tonta e tanta aquarela.
    E sobre elas - tua manta, tua cela, o tecido negro da minha pele -, cavalgas e salgas e esmagas minha célula.
    Rêlho ardente, de amazona-café, vívida, luminosidade esvoaçante, urro avante.
    Poetar assim, é prazer ululante ...


           Tony Guedes
Tony Guedes
Enviado por Tony Guedes em 09/08/2006
Código do texto: T212661
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tony Guedes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
71 textos (2508 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:51)