Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COMO ASSIM???

A violência interrompeu o canto
Instaurou o pranto em corações amigos
Uma existência repleta de vida
Pra sempre banida do nosso meio
Saiu de cena no primeiro ato
Pelo simples fato do "não ter" alheio

Planos, metas, ideais
Não importam mais
Até quando pagaremos a dívida
Pelo Sistema instituída?
Como gerar filhos, sonhos, projetos
Se a força do projétil tem maior poder?

O estampido da barbárie ecoa
O caos cala toda alegria
Silêncio, dor, ausência...
Triste momento até para a poesia

26 - 06 - 07
"Para minha grande amiga Patrícia Carla, mais uma vítima da violência urbana."

José Abbade, in BAGAGEM DE MÃO - poesia em verso e prosa,
Editora CEPA, Salvador, 2007

José Abbade
Enviado por José Abbade em 30/10/2007
Reeditado em 26/01/2008
Código do texto: T715855

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (José Abbade). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Abbade
Salvador - Bahia - Brasil, 41 anos
16 textos (523 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 05:04)
José Abbade