Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Exílio

Dorme, que é noite
É noite e todos dormem
Aquiete-se, acalme-se
Manhã vem logo...
Pare de contar minutos
Aproveite essa hibernação voluntária
Relaxe, reflita
Se puder, sonhe
Sonhar é planejar futuro
Adoçar o presente
Se libertar do passado
Sonho é anestésico
Narcótico
Suaviza a dor
Amansa o bruto
coração que bate descompassado
Renitente
Dorme, alma
Descanse
Prepare o figurino
Reestréie com casa lotada:
Esperanças, ideais
Expectativa...
Determinação
Para novamente brilhar
Nas constelações dos dias.

José Abbade
Enviado por José Abbade em 11/01/2006
Reeditado em 26/01/2008
Código do texto: T97223

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (José Abbade). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Abbade
Salvador - Bahia - Brasil, 41 anos
16 textos (516 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:58)
José Abbade