Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Só me acorde quando o verão acabar I

Só me acorde quando o verão acabar
Para que eu possa recolher as folhas mortas do outono
Folhas caídas pelo cansaço do tempo
Queimadas

Quando o verão acabar, aí sim, me acorde
Que quero renascer no outono
Quero ser a novidade, uma preparação para os novos tempos

Me acorde quando o verão acabar
Quero estar esquecido pelo tempo
Quero ser a novidade da estação
Quero ser fruto novo no paraíso...

Então, só me acorde quando o verão acabar
E prometo não olhar o tempo passado, esquecido,
Tempo que se pudesse não teria vivido
Pois dormindo, apenas sonho
E não preciso sentir meu coração queimado
Numa estação de horror e ódio

Quero me preparar para ser folha nova, fruto novo...
Quero estar vistoso para a vida, sem as tristezas do verão
Quero a alegria do outono,
Quero o amor outonal,
Quero pular o tempo,
Como não posso, dormirei
E aí, só me acorde quando o verão acabar!

P.S. O título desta poesia teve como fonte de inspiração uma canção do grupo de rock Green Day.
Flavio Tatu
Enviado por Flavio Tatu em 02/07/2006
Código do texto: T186423
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Flavio Tatu
Campos dos Goytacazes - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
20 textos (1889 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:17)
Flavio Tatu