Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DECLARAÇÃO

                                          À JAIR MIRANDA


Quero-te... quero-te tanto
Que já me perdi no querer.
Quero-te... porém, não sei quanto,
Talvez bem mais que ao viver.

Quero-te como num sonho,
E num milagre te espero;
Enquanto num sofrer medonho,
Esse poema componho,
Querendo dizer que te quero!

Enquanto espero sonhando,
Ter-te, meu amor, meu bem,
Sigo aflita desejando,
Que me desejes também!
 

                       
                                   *****
RÚBIA BOURGUIGNON
Enviado por RÚBIA BOURGUIGNON em 10/08/2006
Reeditado em 10/08/2006
Código do texto: T213153
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RÚBIA BOURGUIGNON
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 55 anos
193 textos (20241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:33)