Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FORA DE ALCANCE

Tenho ciúmes da água, que teu corpo banha,
Acariciando-o, sensual e mansa
Quanto apenas eu, deveria ser!

Tenho ciúmes do sol, que te beija o rosto,
Banhando-te em ouro e te sendo pôsto,
Como rotina agradável, ao querer.

Ciúmes tenho da tua lágrima, que, rolando,
Acaba tua boca beijando,
Solvendo a tua saliva, por prazer...

Ciúmes tenho da tua sombra que te segue;
Que, mesmo constante, nunca te fere,
E que, enquanto dormes, ansia por te ver...

Ciúmes tenho de tudo que te ocorre,
Do poder, que, por natureza, me foge,
Enciumando, assim, o meu viver!
RÚBIA BOURGUIGNON
Enviado por RÚBIA BOURGUIGNON em 29/11/2005
Reeditado em 29/11/2005
Código do texto: T78115
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RÚBIA BOURGUIGNON
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 55 anos
193 textos (20242 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:35)