Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ABENÇOADA INFÂNCIA

Badalava o sino, chamando para a reza,
E a porta da casa se deixava mesmo aberta,
pois não havia perigo algum, como por cá.
À capela chegando, todos rezavam
E, em louvor, todos cantavam
À virgem Maria, padroeira de lá.

No final do terço, a criançada,
Correndo alegre, formava roda
Brincando assim... a cantar.
Na volta, no fogão à lenha,
Acendia-se o fogo e começava-se
A preparar o jantar.

Num canto, a primeira lamparina era acesa.
E procurando por ele, eu o encontrava
Em sua escivaninha a chorar!
Fazia poemas para ela,
Admirando o jardim bonito que foi dela,
Desabafando assim, as saudades!

Corria, então, ao seu colo, já de banho tomado.
Ganhava um cheiro, um doce afago
E papel e lápis para desenhar.
Assim, com meus rabiscos, conseguia
Tirar a amargura e a agonia,
Que nele teimavam em pousar...

Era então levada para um passeio,
No colo mais fofo e faceiro,
De quem me ensinava a amar.
Enquanto a sabiá, que no ninho,
Chocando alegre os seus ovinhos,
Só se importava em cantar!

A goiabeira proibida
Era escalada, às escondidas,
Naquele lindo pomar.
E, a noitinha, o jantar era o motivo,
Para a reunião da familia,
Que o tentava poupar...

Depois, então, o cafezinho,
O bate papo no quentinho,
Em volta da fogueira.
Adormecia, assim, no colo do avô querido,
Enquanto, admirando as estrelas,
Ouvia estórias faceiras...

Levada, portanto, ao colchão macio
E envolvida por um lençol fininho,
Deixava escapar uma risadinha abafada.
_ Espertinha... Deus te abençoe!
Logo, com um sorriso
Entre os lábios de criança,
Eu dormia saciada!

E assim, cresci, lembrando dele,
Carregando com carinho, em meu peito,
Todas as lições que aprendi:
Amar, sonhar e viver assim...
Pois, lá fora, só há prantos
E agonias sem fim!
RÚBIA BOURGUIGNON
Enviado por RÚBIA BOURGUIGNON em 22/09/2005
Código do texto: T52740
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RÚBIA BOURGUIGNON
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 55 anos
193 textos (20241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:17)