Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Domado por uma fera

Compraste-me com um simples olhar, discreto, agudo... Fatal. Foram momentos difíceis os que passei tentando me esquivar de sua poderosa ação.
Às vezes o mundo nos impulsiona, muitas vezes nos imprensa em nossos sentimentos e ficamos abalados e, aqueles que não suportam cedem e nunca mais voltam. E agora este mesmo mundo testa minha capacidade de assimilação. Semelhanças idênticas confundem minha cabeça e o meu cérebro dói... Dói... Dói. Seria uma mulher ou uma fera? Uma fera superficial, com o coração doce e amável, sem mágoas ou interesses. Ela salta sobre mim... Quanto medo... O que fazer? Fico encurralado em minha timidez e sem perceber fujo. Longa corrida sem parar ou olhar para trás.
        Mulher fantástica... Ah seu perfume... Seus cabelos... Diga como poderei contar as manchas que cobrem teu corpo se não permites que me aproxime? És inteligente, arisca, decidida e independente... Misteriosa, mas muito atraente. Tento ler seus lábios, mas me desconcentro, devo ficar atento, porque em qualquer momento podes me devorar...
        Não a quero enclausurada, mas quem faria? Suas garras afiadas partem ferro, cobre, aço e todo tipo de artifícios feitos pelo homem, mas garanto, dos meus braços nunca sairia.
Queria ser ousado e atrevido, para partir para cima da fera e mostrar-lhe que não quero machucá-la. Quero acariciar teus pêlos olhar em teus olhos sem medo, mas com apego. Ensina-me tua língua, deixa-me ver teu reduto, mostre-me teus recantos por que já estou envolvido em seus encantos.
Ficarei a espera, sem pressa, mas determinado.
        Enquanto esse dia não vem, fico aqui na árvore da esperança a esperar. Pode rugir, ameaçar ou até mesmo me machucar, pois saiba, só desistirei quando me faltar o ar.
Michel Leal
Enviado por Michel Leal em 12/12/2005
Reeditado em 19/02/2016
Código do texto: T84817
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Michel Leal
Salvador - Bahia - Brasil
37 textos (26803 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:56)
Michel Leal