Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CAIPIRINHA

Aos domingos, deixando a paz da roça
Vem pra cidade toda embonecada.
Aqui chegando logo se alvoroça...
Canta feliz, batendo o pó da estrada!

Toma sorvete, suco, laranjada.
Come doce, sanduíche... nem almoça.
E namora... é feliz... não pensa em nada
Que relembre a tristeza da palhoça.

Depois... logo a tardinha vai chegando,
Cabeça baixa, devagar, chorando,
Volta para as tristezas do sertão!

Não chores, bela e doce caipirinha...
Amor da roça, esplêndida rainha,
Leva contigo o nosso coração!
Lucan
Enviado por Lucan em 05/03/2006
Reeditado em 08/04/2006
Código do texto: T119096
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lucan
Salesópolis - São Paulo - Brasil, 85 anos
1985 textos (86939 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:07)
Lucan