Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aos internautas a quem tanto devo:

Meus queridos irmãos de poesias,
Obrigado! Por lindos comentários
Que me causam vaidades e alegrias
E povoam meus sonhos solitários.

Sim! Estou lisonjeado! Os meus dias
Já estão mais coloridos — meus santuários! —
E só devo a vocês as honrarias,
Ó meus irmãos gentis, extraordinários!

Só quero agradecer os doces mimos
E com a alma, dizer que se existimos
É para nos amarmos em poemas.

Vocês são os faróis da humanidade!
Luzam, luzam com fé e lealdade
E Deus os guardará em paz suprema.
Lucan
Enviado por Lucan em 02/04/2006
Reeditado em 08/04/2006
Código do texto: T132680
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lucan
Salesópolis - São Paulo - Brasil, 85 anos
1985 textos (86950 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 14:01)
Lucan